segunda-feira, 11 de abril de 2016

PROFESSORES DA REDE MUNICIPAL VOLTARAM ÀS SALAS DE AULAS

Após quase vinte dias do início da greve os professores da rede municipal de Ensino retornaram às salas de aulas nesta segunda-feira, 11 de abril. O movimento que teve início no dia 23 de março contou com a participação de quase 50% dos educadores e tinha como pretensão que a prefeitura cumprisse a hora-atividade de acordo com o que vinha sendo efetuado nos anos anteriores.
Sem conseguir êxito na luta a categoria retornou à sala de aula, porém, não pôs fim à greve, apenas suspendeu o movimento e se mantém em estado de greve podendo paralisar as atividades a qualquer momento. De acordo com a ideia inicial a intenção é parar um dia a cada semana para movimentos de greve.
A Prefeitura pagou no final de semana os salários de março e, como não houve manifestação judicial no sentido de declarar a greve ilegal, também não houveram cortes de pontos como alguns temiam. Agora deveremos ter a elaboração de um calendário para que os estudantes tenham as aulas dos dias parados repostas.